#A nossa diáspora #Escolha do Editor #Sociedade

Angolano Egas Vieira entre autores do livro Direito Desportivo em Portugal

Um livro, intitulado da Academia à Prática Estudos em Direito do Desporto, da autoria de 40 autores dentre os quais o angolano Egas Viegas, foi apresentado, nesta quinta-feira, em Lisboa (Portugal).

No livro, com 918 páginas e 42 artigos, Egas Viegas apresenta o tema Institucionalização da segurança social para os desportistas em Angola, uma abordagem relacionada com o novo Regime Jurídico da Segurança Social Desportiva que se impunha desde a publicação do diploma, em 2022.

Segundo o coordenador da obra, professor Alexandre Miguel Mestre, a obra nasce da junção do conhecimento de diversos professores na área do Direito do Desporto, mas são todos eles também vindos da prática e têm experiência académica mas trabalham no terreno, conhecem os problemas e a forma de lhes dar solução através do Direito.

Para além dos académicos, ao projecto junta-se uma série de alunos que fizeram pós-graduação do Direito do Desporto na Universidade Autónoma de Lisboa e que já estão no terreno e na prática a aplicar o direito que aprenderam nas associações, nos clubes, nas federações desportivas, entre outros.

De acordo com o professor, o que se procura é que o conhecimento não fique só no livro, mas que possa ser um documento que tenha impacto para os advogados, para os dirigentes desportivos, para os professores, para os estudantes, que seja um canal de dissiminação do Direito do Desporto.

Relativamente ao tema que Egas Viegas apresenta no livro, o professor salientou que é um assunto bastante interessante e que em Portugal quase ninguém escreve a Área da Segurança Social aplicada ao contexto do desporto.

Acrescentou que serve como direito comparado, uma análise que as pessoas também devem fazer olhando para os “nossos” irmãos.

Por sua vez, Egas Viegas manifestou rigozijo por receber o convite da Universidade Autónoma de Lisboa, em particular do professor Alexandre Mestre.

Para Angola é uma oportunidade soberana.

“ É a primeira vez que temos a oportunidade de trazer o nosso direito do desporto para outras realidades e sabemos muito bem que Portugal está muito avançado no que diz respeito ao Direito do Desporto, em detrimento de Angola onde “muito pouco se conhece” a respeito.

Para o autor, o tema é uma oportunidade em que se apresenta para os desportistas angolanos fora do país saberem que Angola já tem um regime que protege a prática desportiva e salvaguarda o futuro dos mesmos.

Egas Viegas, vulgo “ O Filho do Rangel”, é licenciado em Direito pela Universidade Agostinho Neto, pós graduado em Direito do Desporto pela Universidade Autónoma de Lisboa.

É advogado e sócio fundador da EV Sociedade de Advogados, RL.
É coordenador e membro fundador da Associação de Direito Angolano do desporto.

Publicou as obras “Contrato de Trabalho Desportivo” em 2017, publicou em co-autoria, “Segurança Social,” Fundos de Pensões e Seguros para desportistas”, 2018, ” Introdução ao direito do desporto”, 2019, “Casos Práticos de Direito Desportivo”, 2022 e ” A Corrupção no Futebol Angolano”.

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. We also share information about your use of our site with our social media, advertising and analytics partners. View more
Aceitar