#A nossa diáspora #Destaques

Nova Direcção de Estudantes em Portugal elege prioridades

A continuidade do trabalho de aproximação, cada vez mais, dos estudantes ao Estado, empresas e outras entidades é das prioridades elencadas pela actual Direcção da Associação dos Estudantes Angolanos em Portugal (AEAP), para o biénio 2024/2026.
.
O presidente da agremiação eleito, Ayrton Pahula, considera que tal visa ter um diálogo permanente com as referidas instituições, no âmbito da representação dos estudantes no concernente a reivindicação dos seus direitos.

De acordo com a fonte, que falava durante a tomada de posse do novo corpo directivo da AEAP, neste sábado, em Lisboa (Portugal), a prioridade vai assentar também na continuidade da promoção de uma integração eficiente que tenha como resultado a constituição de uma comunidade académica forte, unida, patriótica e solidária.

A missão do novo corpo directivo da AEAP vai centrar-se ainda no estreitamento das relações académicas e fraternais com as representações estudantis dos países de Língua Oficial Portuguesa, para a defesa de interesses comuns.

Ayrton Pahula reafirmou o compromisso de manter e aperfeiçoar os protocolos e parcerias realizadas pela direcção anterior, através do seu génio diplomático, que beneficiam e continuam a beneficiar os associados.

Foram investidos no cargo além do Presidente da agremiação, os vices-presidentes Augusto Francisco e Valentina Pascoal, secretária, Eunice Martins, tesoureiro, Aline da Conceição e vogal, Rosa Haylssa.

Tomaram igualmente posse, os membros da mesa da assembleia geral, Leonardo Carlos, presidente, Fábio Costa, vice-presidente e secretaria, Bibiana Casanova.

O Conselho Fiscal tem como presidente, Edmilson Mário, vice-presidente, Marcos Canzamba e secretária, Solanda Ribeiro.

Por sua vez, Sivi Pedro, presidente cessante da AEAP, agradeceu a todos que contribuiram para que se conseguisse cumprir com os objectivos traçados durante o seu mandato.

“ Quando assumi essa posição, sabia que os desafios seriam muitos”, argumentou.

Considera não terem sido fáceis as batalhas, mas a força e a união de todos fizeram com que cada obstáculo fosse superado com resiliência e determinação.

A Conselheira da Embaixada de Angola em Portugal, Dionísia Demba, apelou aos jovens empossados a estarem mais unidos, de modos a divulgarem a imagem do país.

Dionisia Demba, que falava em representação da Embaixadora de Angola em Portugal, Maria de Jesus Ferreira, salientou ser importante que se promova, cada vez mais, o nome de Angola e que isso só será possível se todos estiverem unidos.

Durante a cerimónia, a direcção cessante da Associação de Estudantes Angolanos em Portugal ortogou algumas empresas e individualidades que contribuíram para que as suas actividades fossem realizadas com êxitos.

Fundada em 1984, a Associação de Estudantes Estudantes Angolanos em Portugal é uma organização representativa dos estudantes angolanos em Portugal, de natureza académica, social e cultural, sem fins lucrativos, político e religioso.

No acto, presenciado por membros do corpo diplomático acreditado em Portugal, e convidados, a AEAP informou congregar mais de mil associados, entre bolseiros e não bolseiros.

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

We use cookies to personalise content and ads, to provide social media features and to analyse our traffic. We also share information about your use of our site with our social media, advertising and analytics partners. View more
Aceitar